segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

Nova Gerações de Politicas Urbanas: "empreendedorismo regional"

O empreendedorismo (criação de empresas) pode e deve ser incentivado pelas politicas camarárias de apoio a criação de empresas em cada região/cidade contribuindo assim para o desenvolvimento regional.Assim,cada câmara municipal cria um gabinete ou até uma  empresa para desenvolver e gerir politicas e programs de incentivo ao empreendedorismo na respectiva região.È o caso,por exemplo,do programa Amadora Empreende,da Câmara Municipal da Amadora,e a empresa DNA Cascais,da Câmara Municipal de Cascais (são 2 exemplos que,se ainda não é,deveria ser seguida e implementadas pelas nossas câmaras).Se não se enveredar pela moda de apoiar apenas o empreendedorismo tecnológico/inovador,apoiando projectos de jovens de todos os estratos sociais,é uma medida que poderá ter algum impacto no combate ao desemprego e deliquência juvenil nas zonas urbanas.Espero,sinceramente,que o programa político do actual presidente da câmara da Praia contemple uma medida parecida...

6 comentários:

Redy Wilson Lima disse...

Podi dexa ki bu recado ta ser dadu a pessoas competentes...

Anónimo disse...

Bu sta transforma na porta voz de Ulisses na blogue criolo...

Amílcar Tavares disse...

Ai! Como vocês gostam de copiar os exemplos da velha metrópole.

Se a questão é copiar, porque não copiam os melhores? Os maiores?

Pensem um pouco nisso...

Redy Wilson Lima disse...

Não anónimo não sou porta voz de ninguém muito menos conheço Ulisses, só que sei como fazer boas ideias chegar à pessoas competentes.
Por enquanto defendo o Ulisses, porque há muito tempo que não tinha sentido feliz de viver na capital. Quando (se) ele meter os pés pelas mãos serei dos primeiros a mandar vir com o gajo.
Aristides, não me venhas com esta historia de copianço porque ambos sabemos que boas ideias podem ser copiadas, se se ter em conta as especificidades da nossa realidade social.

Edy disse...

Redy,espero bem que sim :)
Amilcar,a questão não é copiar,nem os maiores nem os melhores.A questão é aproveitar boas ideias e adaptar ao nosso país.Os exemplos que apresentei,dna cascais e amadora empreende,são maus projectos?Se sim,apresenta-nos um projecto neste sector que seja melhor...Nem tudo que é feito na "velha metrópole",como dizes,é mau;pelo contrário...

Anónimo disse...

Mas quem o Redy pensa que é para "mandar vir com o gajo"!!! manda a vir, no mínimo, na sua ruazinha do Plateau, da qual tanto se orgulha... haja paciência.