sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

Oportunidades Empresariais,Buraco Institucional e o caso Cabo Verde Investimento

Mais uma vez vou recorrer ao Ronald Burt e ao seu buraco/vazio estrutural,que determina a existência de oportunidades empresariais para determinadas pessoas e não para outras,tornando a concorrência imperfeita.Uma situação muito semelhante à que resulta da estrutura institucional numa economia,onde a desigualdade da distribuição das relações entre indivíduos ou organizações-que proporciona o acesso à utilização de regras (existentes,emergentes ou auentes)- é muito mais marcante.Quem tiver melhor acesso a informação sobre como e quando as regras irão mudar ou como poderão ser manipuladas,terá menos regras a cumprir,será mais autónomo na combinação ou recombinação dos recursos e terá portanto maior probabilidade de alcançar taxas mais elevadas para a rendibilidade do seu investimento.Por natureza,os vazios institucionais estão relacionadas com questões sociópoliticas e regulamentações governamentais: para tirar partido deles os empresários têm de legitimar as suas acções e práticas procurando protecção política e administrativa.Se,como diz Burt,os vazios estruturais dizem respeito à não equivalência entre terceiros numa relação então os vazios institucionais dizem respeito a não equivalência entre regras duma instituição.Se,como diz Douglas North,as instituições são as regras do jogo,Burt chama a atenção para a clareza institucional porque «as regras do negócio são ambíguas no geral e sempre negociáveis no particular»,para o âmbito institucional que diz respeito à aplicabilidade das regras,a quem,onde e quando se aplicam (os vazios institucionais surgem quando,a partir de um conjunto genérico de regras para uma determinada acção,diferentes versões e várias excepções são sistemáticamente aplicadas a diferentes grupos de pessoas ou sectores) e para o envolvimento de quem faz as regras (vazios institucionais emergem quando as ligações aos produtores de regras estão desigualmente distribuidas:um extremo posicionam-se os empresários poderosos,com o maior número de ligações não redundantes ao mai alto nível;no outro situam-se empresários fracos e isolados sem qualquer oportunidade de desfrutar dessas alianças).Certos empresários têm a possibilidade e a capacidade de aproveitar a plataforma proporcionada pelos vazios institucionais,outros não.Estamos perante casos de vazios institucionais,por ex.,no caso da Cabo Verde Investimentos (na sua relação com regras de negócios na áerea do turismo,habitação e venda de terrenos).Por isso,têm surgido muitos e prósperos empresários com fortes ligações àquela instituição sempre na mesma área de negócio...

5 comentários:

Anónimo disse...

E' caso para se dizer que estamos metidos num "buraco". E' o buraco da corrupçao! E' o buraco do conflito de interesses!

Nao, nao aqui vazio de regras. As regras existem, porque ainda estamos num Estado de direito, mas que tenha muitas falhas.

E num estado de direito, ha regras, ha leis! Existem regras claras que dizem que um alto funcionario de uma empresa estratégica com direito a segredos estratégicos de estado, ao demitir-se nao pode ir trabalhar para uma empresa concorrente que pertença ao mesmo ramo!

Logo, nem o Preirinha pode ser presidente do Cabo Verde investimentos, nem o Fontes pode ir calmamente assobiando para o lado, "vender" os segredos estratégicos do estado à empresa de deseenvolvimento, donde vem curiosamente o Manecas preirinha.

Mas vocês nao estao a ver que ha aqui "buraco". Nao preciso do Ron para nada porque o fundo do buraco é claro como agua! Na verdade estamos perante uma série de choques e conflitos de interesse, trafico de influência, corrupçao, nepotismo, quer dizer, num BURACO!!!!!

Al Binda

Edy disse...

Al Binda,
o vazio institucional não é a ausência de leis ou de regras...vazio institucional é isto:aproveitar-se da posição vantajosa para "manipular" as regras.E é assim,por essa via,que muitos do grandes empresários actuais tem surgido no país.
A minha opinião sobre à questão que levantas quanto ao "frik-frak" de alguns dirigentes entre entidades reguladores e empresas privadas,está no post acima...
abraço

Anónimo disse...

Edy nao vamos entrar agora duma guerra de retorica.Eu percebi-te muito bem e tu também percebeste bem o fundo da minha questao. Nada de piquínhas juridicas, nada de guerrilha juridica.

Eu sei que vazio institucional é uma coisa e ausência de regras e leis outra. Mas devias perceber bem a intençao da minha intençao que é a de que resumi rapidamente o que disseste cingindo tudo às regras do estado de direito.

Até porque falaste em vazio estrutural, vazio estrutural e vazio institucional, tendo eu resumido isso tudo em regras de estado de direito. Portanto nada de arranjar guerrilhas la onde nao é necessario, até porque fiquei com a impressao que chegamos à mesma conclusao e prova disso é que acabaste por escrever um novo post com base naquilo que eu ja tinha dito: regras de concorrência, deslealdade etc e tal.

Mas porque de vez em quando gostas de me contrariar so por prazer de contrariar, vou ja agora adoptar a tua tactica e dizer-te que se formos muito rigorosos na utilizaçao dos termos juridicos o teu vazio institucional, é muito sumario, tem mais uma vertente de gestor mais do que respeitar a terminologia juridica. Vazio institucional juridicamente falando é mais do que dizes na tua explicaçao podendo ser mesmo outra coisa do que disseste. Mas bom, nao quero dar-te na cabeça.

Ja viste a bronca que ja provoquei na blogaria? Vou-vos mandar a factura. Nunca houve na blogaria e alias em toda a imprensa crioula um tal debate que mesmo com erros graves atingiu um patamar intelectual jamais atingido. Graças ao AL BINDA!

Edy disse...

Al Binda,
vamos a ver se nos entendemos mesmo porque reforças que,no essencial,chegamos a mesma conclusão."Vazio Institucional" não é um conçeito jurídico mas é sim um conçeito sociológico (que foi a desenvolvi aqui não tendo,portanto,a vertente de gestão que referes)...como não sou jurista,não poderia nem ia querer "dissertar" sobre um conçeito duma área que não domino....sim,tenho visto a "bronca" que tens deixado pela net..inclusive o comentário que deixaste aqui e no A´Semana..
Abraço

文章 disse...

餐飲設備 製冰機 洗碗機 咖啡機 冷凍冷藏冰箱 蒸烤箱 關島婚禮 巴里島機票 彈簧床 床墊 獨立筒床墊 乳膠床墊 床墊工廠 產後護理之家 月子中心 坐月子中心 坐月子 月子餐 銀行貸款 信用貸款 個人信貸 房屋貸款 房屋轉增貸 房貸二胎 房屋二胎 銀行二胎 土地貸款 農地貸款 情趣用品 情趣用品 腳臭 長灘島 長灘島旅遊 ssd固態硬碟 外接式硬碟 記憶體 SD記憶卡 隨身碟 SD記憶卡 婚禮顧問 婚禮顧問 水晶 花蓮民宿 血糖機 血壓計 洗鼻器 熱敷墊 體脂計 化痰機 氧氣製造機 氣墊床 電動病床 ソリッドステートドライブ USB フラッシュドライブ SD シリーズ